Blog

  • Inspirações e Homenagens (ou Covers)

    6 de fevereiro de 2019

    Inspirações e Homenagens (ou Covers)

    Inspirações e Homenagens (ou Covers)

    Lá pelos idos de 2008 eu tinha começado a escrever num blog meu sobre cultura pop, mas ele nunca foi muito pra frente (apesar de eu até hoje ainda colocar algo lá a cada dois ou três meses). Num dos primeiros posts eu resolvi falar sobre covers, porque eu tava numa vibe de ouvir essas regravações.

    Muito tempo se passou e hoje, num papo com amigos num grupo de zap o assunto veio à tona. E eu resolvi ressuscitar esse texto em parte, e dar uma atualizada na lista de covers que era bem limitada naquela época.

    Mas o que é um cover?

    Segundo a wikipédia: “Versão cover ou simplesmente cover, é uma regravação de uma canção previamente gravada. Muitos músicos tocam covers como forma de tributo a quem a gravou pela primeira vez. Outros formam as chamadas bandas covers, que além de tocarem as músicas, usam roupas e se apresentam da mesma forma que o original.”.

    Bandas em começo de carreira ou de garagem, sempre que vão fazer shows ou ensaios costumam tocar músicas de bandas que gostam. Quando atingem um sucesso relativo, e gravam um CD, costumam colocar um cover perdido para incrementar. E se atinge um sucesso consideravelmente grande, se dão ao luxo de, se resolverem achar isso interessante, fazer um álbum inteiro de covers! Bandas como Metallica (Garage Inc.), Guns n’ Roses (The Spaghetti Incident?) e Duran Duran (Thank You) são exemplos de bandas que fizeram álbuns inteiros para homenagear seus heróis.

    Agora vou trazer uma lista que, como eu disse, está atualizada (e ampliada) com relação à original. Vocês vão ver que eu tenho uma predileção por rock e metal, mas vou jogar aqui e ali alguma surpresa daquelas que ninguém espera. Vou definir 20 músicas, e farei uma playlist no Spotify que colocarei o link no final. Se alguém tiver dicas pode mandar depois e eu vou ampliando a playlist!

    – Metallica fazendo Bob Seger (Turn the Page), no álbum “Garage Inc.”
    – Sonata Arctica fazendo Scorpions (Still Loving You) no álbum “Successor”
    – Helloween fazendo ABBA (Lay All Your Love On Me) no álbum “Metal Jukebox”
    – Alanis Morissette fazendo The Police (King of Pain) no álbum “MTV Unplugged”
    – Disturbed fazendo Simon & Garfunkel (The Sound of Silence) no álbum “Immortalized”
    – Nirvana fazendo David Bowie (The Man Who Sold the World) no álbum “MTV Unplugged”
    – At Vance fazendo ABBA (The Winner Takes It All) no álbum “Dragonchaser”
    – Duran Duran fazendo Lou Reed (Perfect Day) no álbum “Thank You”
    – Johhny Cash fazendo Nine Inch Nails (Hurt) no álbum “American IV: The Man Comes Around”
    – Tenacious D fazendo Ronnie James Dio (The Last in Line) no álbum “Ronnie James Dio – This is Your Life”
    – a-ha fazendo The Everly Brothers (Crying in the Rain) no álbum “East of the Sun, West of the Moon”
    – Alien Ant Farm fazendo Michael Jackson (Smooth Criminal) no álbum “Anthology”
    – André Mattos fazendo Journey (Separate Ways (Worlds Apart)) no álbum “Time To Be Free”
    – Pearl Jam fazendo The Who (Love Reign O’er Me) para o filme “Reign Over Me”, com Adam Sandler e Don Cheadle
    – Joe Cocker fazendo The Beatles (With a Little Help From My Friends) no álbum “With a Little Help From My Friends”
    – Paula Fernanades fazendo Simon & Garfunkel (The Boxer) no álbum “Dust in the Wind”
    – Weezer fazendo Black Sabbath (Paranoid) no álbum “Weezer (Teal Album)”
    – Queensrÿche fazendo Peter Gabriel (Red Rain) no álbum “Take Cover”
    – Caleb Hyles fazendo Ed Sheeran (Perfect) num single lançado em seu canal do YouTube e via streaming
    – Joey Ramone fazendo Louis Armstrong (What a Wonderful World) no álbum “Don’t Worry About Me”

    Existem também uns casos horríveis, como por exemplo a péssima ideia de Tori Amos regravar Raining Blood do Slayer ou Shakira arriscando AC/DC ao vivo. Mas vamos ficar só com as coisas boas por aqui. Se quiserem ouvir a playlist, com as versões originais e os covers, ela está aqui!

    Postado por Will Sparrow

    Avatar do Caos, otaku da velha guarda, brony nas horas vagas.