Blog

  • Eu, Deus e Bin Laden – E Aí?

    18 de janeiro de 2021

    Eu, Deus e Bin Laden – E Aí?

    Eu, Deus e Bin Laden – E Aí?

    Nicolas Cage é uma figura extremamente caricata, mas eu AMO o cara. Ele às vezes aparece em filmes de impacto, como A Outra Face e 60 Segundos. Dramas como O Senhor das Armas e Cidade dos Anjos. Flertou com o terror (pro bem ou pro mal) em A Cor que Caiu do Espaço e O Sacrifício. Ação interessante da Disne com os dois A Lenda do Tesouro Perdido. Ou animações como Os Croods, Homem Aranha no Aranhaverso e Os Jovens Titãs Vão ao Cinema. Mas é nas maluquices que ele se sobressai, com seu overact indo muito além do que se pode imaginar. E nesse filme a coisa vai um pouco além!

    Cage é Gary Faulkner, um ‘murica dos mais malucos que, num belo dia durante uma sessão de diálise, recebe uma visita de Deus (Russell Brand), que o manda num tipo de Cruzada para caçar Osama Bin Laden. Após duas tentativas frustradas ele acaba indo parar no Paquistão, onde Deus o manda procurar pelo barbudo maluco, com uma katana e seu carisma infinito.

    O filme todo é uma maluquice. Mas assim, das maiores que eu vi. E é BASEADO NUM CASO REAL., o que torna isso tudo ainda MAIS INSANO. O filme tem pouco mais de 1h30, mas é diversão garantida pelo nível de insanidade e, também, pelo carisma do próprio Nicolas Cage, que abraçou o personagem com todo o gosto. Vocês podem gostar ou não de Nic Cage, mas o cara é definitivamente alguém que eu, particularmente, gostaria de sentar numa mesa de bar e trocar uma ideia por horas.

    Vejam esse filme se puderem! Tá na Netflix, e de fato vale pra se divertir!

    Postado por Will Sparrow

    Avatar do Caos, otaku da velha guarda, brony nas horas vagas.